Mostrando postagens com marcador Coaching. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Coaching. Mostrar todas as postagens

Que tal tomar uma decisão?

A grande maioria das pessooas querem MUITO algo mais não se mexem porque não entendem que o primeiro passo é o mais importante, portanto estas pessoas criam desculpas e ficam se justificando o tempo todo...

Qual então o primeiro passo?

Você precisa DESISTIR de continuar fazendo mais uma vez tudo da mesma forma. Em outras palavras, você precisa se prontificar imediatamente a fazer diferente agora/hoje. Se você decidir "ir" em direção ao seu objetivo agora você começará a modificar o seu caminho. Vou dar um exemplo bem prático: Você se olha no espelho e detesta sua gordurinha ao lado, então vai até a cozinha e toma o seu café da manhã como faz todos os dias..

Fazendo assim você continuará com os mesmos resultados..

Mas se você decidir desistir de continuar fazendo igual vai tomar a decisão de comer diferente, comer menos etc. Sem aquela desculpa de começar depois da festa no sábado..srsr
Ou seja, quem quer mudar simplesmente MUDA, simples assim!!!!
Quando você decidir ninguém vai te segurar porque você fará isso por você e não pelos outros. Se tiver que estudar para algo por exemplo, você decidirá arrumar tempo, nem que seja na madrugada..
Portanto, basta você decidir que quer algo na sua vida. Que não vai passar mais um dia sem o que deseja na sua vida..

O que você decide então? Tomar o caminho do seu sonho ou continuar se lamentando?
Bom dia pessoal!

Cristina Longhi - Comunicadora da Rádio Mundial


Começando a manifestar resultados.

Em se tratando de manifestar a energia do dinheiro em sua vida, você deve saber que deve dar somente aquilo que você já tem sobrando. Explicarei melhor: Se você der tempo, seus serviços ou mesmo dinheiro a alguém sem antes atender as suas necessidades, estará afastando a energia do dinheiro de si mesmo. 
Muita gente ocupa muito o tempo fazendo tudo aquilo que não trará benefícios a si mesmo. Você deve sim ajudar aos outros, mas só depois que ajudar a si mesmo. Se este for o seu caso, pare tudo e mude de estratégia. Foque em coisa que realmente te darão resultados.  Você precisa sentir-se preenchido com seu trabalho, e não com um sentimento de “eu tinha que fazer isso”, que trará somente vazio.

Neste momento quero que observe sua vida e sua atitudes e pense em tudo aquilo que anda fazendo e que não está te trazendo nenhum resultado financeiro. Assimq eu descobrir que o jeito que está fazendo não está funcionando, determine-se a mudar apartir de agora. É importante mudar a estratégia já, não deixe para amanhã que poderá ser tarde demais.

Você tem o direito de escolher como quer viver sua vida agora. Qualquer mudança começa com o primeiro passo. Dê  o primeiro passo hoje. Tome hoje uma atitude pelo menos em direção ao que você quer.

Visualizando o seu futuro:

Ensinarei agora um exercício simples que ajudará a imprimir o resultado desejado.
Imagine em sua mão esquerda uma bola de vidro e dentro desta bola imagine a si mesmo com uma carteira vazia em suas mãos.
Depois na mão direita imagine um cubo transparente e dentro do cubo sua imagem com uma carteira, ou várias cheia de dinheiro, de preferência notas grandes. Imagine-se feliz e em paz dentro do cubo.

Agora visualize muito bem as duas imagens. Sinta o peso de cada uma delas. Em seguida, pegue a bola de vidro da mão esquerda e jogue contra uma parede e veja-a estilhaçar-se todinha em milhões de pedacinhos.

O cubo da mão esquerda quero que imagine que ele estará entrando dentro da sua nuca, fazendo de agora em diante parte de você. Imagine ele se encaixando direitinho, se precisar reduza-o de tamanho. Se preferir, em vez de o colocar em sua nuca, deixe-o guardado em uma estante dourada, imagine esta estante para si mesmo.

Pronto, exercício concruído! O que fizemos foi destruir a imagem associada a falta de dinheiro em você. Nossa mente não destingue a realidade do que não é real. Se fez como eu falei o exercício, terá o efeito desejado.

OBS: Nossa mente é poderosa. Vou contar uma história que  aconteceu de verdade e mostra o quanto nossa mente não destingue realidade do que não é real. Um preso de uma cadeia estava já no corredor da morte e chegou o dia de sua execução. O deitaram em uma mesa e disseram a ele que cortariam seu pulso e que morreria assim qeu seu sangue acabasse. Ele não estava olhando. O que fizeram foi que cortaram muito superficialmente seu pulso, a ponto de nem sangrar. E debaixo de sua maca colocaram uma garrafa com um gotejador. O que se sucedeu foi que ele realmente morreu, somente por achar que seu sangue estava acabando. Foi ficando cada vez mais fraco até que seu coração parou. Mas o que ele ouvia não era seu sangue e sim a água do gotezador.
Nossa mente é assim, o que conseguir implantar nela com realidade, realmente se tornará real. Por isso é importante mantermos a imagem de nós mesmo como pessoas bem sucedidas. Imagine-se sempre feliz!!

Outra dica: Quando tiver que passar por um teste, ou algo que está em dúvida se conseguirá ou não, imagine somente o resultado depois!! Por exemplo, se vai prestar um exame, imagine você depois do exame feliz e tranquilo tomando um chá na casa de uma amigo, aliviado e contente. Isso realmente funciona!!!

Namastê.


Hipnose com Crianças - Terapia rápida para os pequenos

O Uso de Hipnose com Crianças.

A Hipnose é uma das técnicas mais úteis no trabalho com crianças porque a criança possui uma grande capacidade de imaginar e  isso facilita muito o processo terapêutico.

Em uma sessão de hipnose com  a criança é possível que ela mude a forma de se sentir em relação a várias dificuldades que ela esteja passando como dificuldades na escola ou com os amiguinhos, sentimentos no geral, medos, dificuldades, doenças etc.

A criança aprenderá através da imaginação e da sugestão hipnótica a utilizar ferramentas que vão fazer com que ela construa uma nova realidade.

Cristina Longhi - Terapeuta especializada em Visualização Criativa, Hipnose, PNL e Regressão com crianças.






Sua capacidade

Você possui a capacidade de superar qualquer coisa. Para que isto aconteça é preciso somente deixar de lado a necessidade de precisar de outras pessoas e fazer tudo o que precisar por si mesmo. Assim já está movendo de sua frente metade dos obstáculos.


Cristina Longhi

Como parar de fumar

Este é um truque que costuma dar bastante certo:

Trata-se de uma auto recompensa.

Faça o seguinte:

Pegue uma caixinha e encape ela de uma papel laranja e faça um furo nela como se fosse um cofrinho.


Do lado de fora dela escreva o nome de uma cidade que quer conhecer em breve. (antes pesquise onde fica e quanto precisa para ir visitar), escreva do lado de fora da caixinha:

Eu Vou para....

Bem, quero que conte quantos cigarros fuma por dia e quanto custa cada um. Coloque o valor do cigarro dentro da caixinha todos os dias. quando olhar para o cigarro, olhe para a caixinha e decida o que prefere.

Boa viagem!

A criação da mudança

Muito se tem falado sobre o ato de conseguir qualquer coisa mais pouco se fala sobre o momento da mudança em si. Bem, mudar significa passar para um outro nível no sentido de deixar algo para trás para ter algo novo.  Não se consegue mudar sem literalmente “mexer” em algo. E este fato impede que as pessoas realmente consigam o que desejam porque todos querem muitas cosias, mas geralmente as pessoas não estão dispostas a deixar o que é necessário para trás. Isso acontece porque por mais que a situação atual não seja a situação desejada é a situação que a pessoa conhece e mesmo sendo ruim é confortável. Mudar significa algo novo e muito diferente e gera um medo que geralmente é inconsciente. É isso que impede a maioria das pessoas de mudar, o medo do diferente, do novo, de algo que elas não tem controle.
Quando a pessoa sabe disso e resolve enfrentar o medo ela está muito perto do resultado. O que vai ajudar ela a chegar mesmo no resultado é manter-se firme com o pensamento e sentimento naquilo que quer. 
Tenho visto muitas pessoas com dificuldades de manter o pensamento e sentimento naquilo eu elas querem, pois logo se desconcentram o se pegam pensando no que não querem em vez de se concentrarem no que querem. Para estas pessoas eu recomendo que elas tenham anotado o que querem, e leiam por menos 6 vezes ao dia. O resto do tempo basta se manterem calma, e com sentimentos bons na mente, de qualquer tipo.
 
Então para conseguir o que deseja a receita é saber o que você quer primeiro, depois mentalizar isso com pensamentos e sentimentos bons. Só isso! Isso manterá você na sintonia correta.
 
Boa sorte!

Determine e Conseguirá!

Desejos imensos, vontade de mudar, gostinho na boca por pensar em algo diferente. Uma imensidão de possibilidades “azuis” que trazem só felicidade.

Nossos sonhos são assim, bonitos e sempre com final feliz. Você gostaria de realizar seu sonho? É totalmente possível fazer isso acontecer, mas não mentirei para você, não é algo fácil de conseguir. Mas não desanime, pois existe uma fórmula exata para você atingir sua meta maior. É uma fórmula simples e ao mesmo tempo difícil de cumprir, pois as pessoas estão muito apegadas à velha forma de fazer as coisas, pois tudo que é novo e desconhecido causa medo. Por causa do medo as pessoas escolhem continuar na mesma.


Bem, faça o seguinte:
Defina o que você quer claramente, comece com algo simples.
Para fazer seu desejo acontecer é necessário ter coragem de deixar certas coisas e pessoas temporariamente para trás. Não dá para conseguir algo novo quando se está preso a pessoas. O objetivo é seu, não do outro. Este é um ponto no qual muitos escorregam, querem fazer algo novo, mas não querem deixar certas coisas para trás. Isso é necessário para que esteja totalmente livre para conseguir o que você quer. Quando não está livre, está dependente emocionalmente de certas coisas e pessoas. Em outras palavras, assuma sozinho seu desejo.
Estude realmente uma estratégia e siga com compromisso, não vale deixar para depois.

E por último, mantenha-se conectado ao seu desejo dentro de você. Mantenha sua mente com pensamentos felizes em relação ao que você quer. Essa vibração é muito importante, ajudará a se sintonizar com as facilidades. Pessoas vão aparecer, coisas vão começar a acontecer. Mantenha principalmente uma imagem de você com seu objetivo conquistado. Por exemplo, se seu desejo é conhecer a Grécia, imagine-se em uma “foto” feliz lá.

É tudo simples quando não complicamos!
Boa sorte!
Cristina Longhi

Você é a outra?



Isso não é uma regra, mas algo que tenho observado como comum entre as pessoas que se submetem ao perfil da “outra” ou do “outro”.

Estas pessoas geralmente tem um profundo sentimento de não merecimento. São pessoas que por acharem que não merecem se submetem a algo “pela metade”. Estas pessoas esperam eternamente pela chegada da sua vez. 
Acreditam sempre que a situação vai mudar, que seus parceiros vão deixar maridos ou esposas e vão enfim lhes assumir. O que não entendem de imediato é que se os parceiros realmente gostassem delas, já teria as teria assumido.

Em contrapartida,  a  pessoa que mantém um amante e não larga mão do casamento é uma pessoa que usa a outra de forma conveniente, como uma diversão mesmo. Pois a pessoa que espera eternamente para ser enfim escolhida, mantém um padrão melhor  de cuidados pessoais. Por sempre querer provar que merece, está sempre a procura de mostrar o melhor, então se cuida mais, se submete muito mais, está sempre pronta, cheirosa, etc.

É justamente esta necessidade de ser validada que destrói a vida da pessoa. Ela não percebe que se submeter a algo assim só a fará se sentir com menos valia.
Geralmente estas pessoas em sua infância não foram validadas e cresceram com a ideia de que são inferiores, de que para elas não tem espaço. São pessoas que cresceram se sentindo menosprezadas. Pessoas que ouviram inúmeras vezes que não valiam, que suas cosias não valiam. Outras pessoas passaram por situações nas quais precisaram “sobreviver emocionalmente” sozinhas em idade bem pequena, pessoas que foram criadas por pessoas que precisaram cuidar delas não por opção. Então, o sentimento que ficou é de não ser bom o suficiente. Claro, tudo isso é entendido de forma inconsciente. Quando esta pessoa cresce, se submete então a qualquer coisa em várias áreas da vida.

Isso pode ser  tratado entendendo como exatamente isso aconteceu e principalmente como cada pessoa lidou com isso, já que cada um entende, absorve e lida de forma diferente com as adversidades da vida. É um caminho de retorno, onde chega-se à raiz, à primeira vez em que isso aconteceu, então voltamos ano a ano curando todos os “buracos”, refazendo esta sensação emocional. Assim a pessoa se sente segura e consegue caminhar bem em sua vida, parando de se submeter às diversas situações que só a puxam para baixo.

Se você tem este perfil que descrevi acima, é necessário ir à raiz do problema, para assim você acreditar e sentir quem realmente você é e descobrir então todo o seu valor! Utilizo uma técnica rápida, geralmente em um mês as pessoas já têm grandes resultados!

Cristina Longhi - jornadasdaalma@gmail.com

Projeto para 2013 – Novo você!


Está na hora de pensar em você no ano que vem! 
Fim de ano é um excelente momento para fazer um balanço daquilo que você não conseguiu realizar e fazer novos planos para o novo ano, mas desta vez planos calcados em algo real!

Muita gente faz milhões de planos, mas as coisas costumam estar muito longe da realidade. Então, como estes planos devem ser feitos? 
Você precisa primeiramente saber que deve tentar alcançar algo que esteja próximo de sua realidade. Imagine uma escada. Tente fazer planos para os próximos degraus, não tente chegar do primeiro degrau ao último em um pulo só, as chances de falhar são grandes.

Então para o novo ano deseje algo que apesar de difícil de realizar, seja algo possível. Tenha também em mente que a meta deve ser sua. Não perca tempo fazendo metas que envolvam outras pessoas, não há como controlar as outras pessoas. Dividir sua meta em pequenos objetivos mensais ajuda muito e você vai se sentir poderoso ao saber que cumpriu mais uma etapa no final do mês.

O NOVO VOCÊ Modelo 2013 deve ter em mente exatamente qual é a sua meta principal o tempo todo. Lembre-se de que nossa mente “desenha” nossa realidade o tempo todo com tudo aquilo que pensamos e sentimos.

Seja simples, seja real e ao mesmo tempo seja ousado. Tudo na dose certa!

Tenha tudo isso em mente, senão daqui a doze meses você estará 1 ano mais velho e 12 vezes mais frustrado!

Boa sorte!


Um obstáculo por vez!





Mantenha uma lista com "passos" para atingir o seu objetivo principal. Esta lista deve estar em ordem do mais difícil para o o mais fácil, se for preciso divida o mais difícil em outros pequenos passos.

Realize um passo de cada vez, e passe ao próximo somente quando o primeiro já estiver bem organizado e feito.
Mantenha uma data limite para atingir cada passo. Coloque em sua agenda como um compromisso a cumprir!

Mesmo que sua lista tenha 100 passos, mantenha-se sempre atualizado com sua lista. Visualize em sua mente seu objetivo e os passos para atingir a meta.

Tenha em mente as seguintes questões: Onde estou agora? Onde desejo chegar? E o que é necessário que eu faça de minha parte para chegar lá? (assim terá um lista exata de passos a seguir!)

Cristina Longhi 

A chance de rever o passado




Você deve "desenrolar" seu passado e entender melhor o que aconteceu e que o deixa ainda tão angustiado. Será importante para sentir-se em paz.

Mas deve fazer isso de uma perspectiva diferente. Deve olha como se fosse outra pessoa observando de fora. Fazendo assim vai entender o que não conseguiu entender lá atrás. 

Algumas dicas:

Estude as características dos "personagens". Eles tinham que tipo de conhecimento na época? Tente perceber o porque cada um tomou certas atitudes, baseado no quê. (lembre-se que cada pessoa somente faz aquilo que sabe)

Não julgue, tente ver somente como um fato que aconteceu. Não se culpe.

E por último, entenda, perdoe e siga em frente.

Cristina Longhi

Nossa capacidade de superação e o poder

Temos a capacidade interior de fazer muitas coisas, mas nos impedimos de aprender a usar esta capacidade em sua total plenitude. Porque fazemos isso? Porque abdicamos desse poder e damos aos outros a chance de decidir por nossas vidas?

Fazemos isso no dia a dia de forma inconsciente quando aceitamos as decisões que os outros tomam por nós. Mas eu gostaria de dizer que existe um grandioso poder dentro de você e que existe um jeito certo de utilizar este poder. Um jeito que fará você aos poucos tomar controle da sua vida.

Devemos atuar na vida usando este poder através da consciência. Estou falando do aprendizado de como fazer as coisas acontecerem e fazer com que você encontre o seu caminho para realizar os seus desejos. Existem vários caminhos para atingir este conhecimento, mas a consciência e percepção devem ser utilizadas como um experimento de como as coisas funcionam ao longo do caminho.

Você começará a fazer isso a partir do momento em que começar a prestar atenção e estudar o porquê de cada coisa com a qual se deparar. Trata-se de uma jornada necessária para o comando, ninguém que chega ao comando muito rápido saberá lidar com isso de forma firme sem que tenha antes passado por este caminho da mente.

Quando você recebe um diagnóstico e passa a fazer tudo o que lhe é dito para ser feito, você está dando o poder da sua vida aos médicos. Mas quando você recebe um diagnóstico e resolver estudar a melhor forma de passar por isso e estudar outros caminhos, você toma este poder em suas mãos e é desse poder que estou falando.

Temos o poder de decidir, mas estas decisões devem partir de da verdadeira percepção daquilo que consideremos melhor da perspectiva de quem estudou o assunto, e não da perspectiva de alguém que simplesmente está fazendo birra. A responsabilidade desse poder interior deve envolver o estudo sobre as causas e as consequências de tudo.

Então, a partir de hoje entenda que nada está fadado a terminar de certa forma e que qualquer coisa pode ser superada, desde que se coloque a tempo no caminho dessa procura, e a única pessoa que pode fazer isso é você!

Se você hoje se encontra em perdido e sem saída, está na hora de se entregar ao caminho do conhecimento, mudando sua rota para permitir que novas possibilidades se apresentem a você.

Boa sorte!

Como mudar algo quase instantaneamente?

Temos ou não o poder de fazer mudanças em nossas vidas? Afinal quem está no controle? Essa é uma pergunta muito interessante e tem relação com o poder que podemos ter sobre os fatos externos.

Podemos sim mudar uma situação quando entendemos que temos o poder para isso. Não falo de um poder mágico e sim de um poder consciente. Quando sabemos como algo funciona temos mais capacidade de utilizá-lo melhor, certo? Imagine um celular cheio de funções. Se você ler o manual terá muito mais facilidade do que as pessoas que não leram, e utilizará muito mais funções. Nossa vida também funciona neste sentido, temos que ter consciência de tudo aquilo que podemos fazer e saber como fazer.

Em se tratando de poder da mente e controle sobre situações externas é necessário que entenda primeiro alguns fatores básicos. O primeiro fator, que está cientificamente provado, é que vivemos em um universo feito de energia e que as energias estão conectadas umas às outras. 

Tudo é energia, e o poder que move esta energia é nossa consciência sobre ele. 

Quando temos consciência deste fato sabemos que tudo se torna uma grande e única coisa. O que determina uma quantidade maior ou menor de energia (coisas) na vida de cada um são nossas emoções. Não entrarei mais profundamente na “metafísica” destas conexões, falarei agora sobre atitudes que “movimentam” a energia a seu favor para mudar qualquer situação.

Ok, se você tem à sua frente um problema e não sabe como resolvê-lo, pois conscientemente não consegue enxergar alguma solução, o que fazer?

Você deve em primeiro lugar se concentrar única e exclusivamente no seu momento presente. Deve literalmente parar de pensar no “como” (que implica em ficar mentalizando algo para acontecer depois) e fazer somente o que puder no momento. Isso fará você parar de colocar emoção (emoção é energia de ação e manifestação) em algo que ainda não aconteceu e se concentrar em algo que tem no momento. Caso não tenha nada, pare, leia algo, medite, cante, limpe o chão. Faça qualquer outra coisa que o faça concentrar-se 100% no momento presente.

E a segunda coisa a fazer é manter um sentimento de que “ficará tudo bem”, um sentimento de aceitação e ao mesmo tempo de agradecimento por uma solução que irá aparecer. Ajuda muito você imaginar o problema solucionado no futuro, por exemplo, se tem uma conta a vencer e ainda não tem dinheiro para pagá-la, imagine-se dois dias depois da data de vencimento feliz e com a conta paga, só isso!

Temos o poder de manipular nossos sentimentos. Quando manipulamos nossos sentimentos podemos realizar verdadeiras manifestações em nossa vida!

Cumpriu suas metas em 2012?



Ano passado provavelmente você, como muitas outras pessoas fazem, desejou e prometeu a si mesmo uma porção de coisas para o ano de 2012, certo?
 
Bem, já estamos quase no final do ano e aposto que sua vida está praticamente na mesma. Isso é tão comum que poderia até virar um objeto de estudo. Porque as pessoas não conseguem sair do lugar de onde estão para chegar onde desejam?

Em primeiro lugar, onde estão é considerada a zona de conforto. Isso significa que todos os fatores que fazem você ficar onde está são confortáveis, conhecidos e por isso você se sente seguro. Você prefere estar em um lugar conhecido e passar necessidades do que ir de encontro a algo desconhecido e incerto.

Tenho uma má notícia para você, daqui a um ano você estará no mesmo lugar, com somente uma diferença: estará um ano mais velho e duas vezes mais frustrado!

Se quiser fazer mudanças valiosas em sua vida precisa entender que é preciso fazer mudanças em relação a COMO faz as coisas. Você não conseguirá obter um resultado diferente se ainda estiver fazendo as coisas da mesma forma. Isso seria impossível!

Então mude a forma como faz as coisas no dia a dia. Em PNL temos alguns princípios básicos para entender como nosso cérebro processa informações e como fazer para mudar estes programas.
Quando mudamos esses programas, mudamos os resultados que vemos em nossa vida. Então uma dica básica é começar a fazer as coisas de forma diferente. Utilize caminhos diferentes para ir para o trabalho. Sente-se em lugares diferentes. Coma coisas diferentes. Experimente sensações diferentes. Por quê? Porque fazendo assim você abrirá caminhos para novas possibilidades e entrará em programações diferentes. Aprender como fazer as coisas de forma diferente abrirá caminhos e facilitará sua vida em todos os sentidos.

Agora, o que fazer com o seu projeto não cumprido para 2012? É só parar para pensar em tudo o que deveria ter feito e não fez e colocar em prática no dia a dia. Você desejou ter feito certa coisa, mas não moveu uma palha em direção a este objetivo? Continuou com o velho programa? Então é simples, faça algo diferente do que faz no seu dia a dia que resultará em certa quantidade de tempo na realização do seu desejo. Não existem milagres, somente estratégia! Seu vizinho conseguiu coisas? Pense naquilo tudo que ele fez de diferente de você!

Boa sorte!

O vácuo que sente-se na mudança entre duas coisas


Mudanças são necessárias e muito saudáveis em nossa vida. Chega um momento em que a única coisa que sentimos é que o que estamos fazendo no momento não tem mais nada a ver com aquilo que nos tornamos ou com aquilo que realmente queremos.  Passamos a nos sentir inquietos com esta insatisfação, é um momento em que este sentimento é tão forte e não  conseguimos escondê-lo de nós mesmos.
Então decidimos mudar.  E mudar exige uma passagem  entre aquilo que estamos deixando para trás e o novo que queremos acolher. Entre estas duas coisas existe o que chamo de vácuo. Muitas vezes esta sensação traz sentimentos de incerteza e medo em relação a escolha certa. Como lidar com isso? Como aliviar este sintoma?
Bem, é preciso que entenda que é um processo totalmente necessário “esvaziar” o copo para que ele encha-se novamente com algo diferente. Tudo aquilo que não conhecemos inteiramente ainda traz uma sensação de incerteza. Aquilo que não conhecemos é tido como algo sem controle, a sensação de que não temos este controle traz o medo.
A melhor coisa que tem a fazer quando estiver neste momento de vácuo entre duas coisas é tentar definir do melhor modo possível aquilo que você quer. Ajuda fazer uma lista daquilo que não quer de jeito nenhum novamente em sua vida. É necessário ser forte neste momento para não aceitar coisas que sejam totalmente contrárias aquilo que deseja. Vale a pena ir pulando de galho em galho até chegar onde deseja, desde que esteja indo na direção certa, fazendo algo que levará você onde deseja, em vez de caminhar na direção contrária e ficar cada vez mais distante do seu desejo.
Outra sensação que é bastante comum é quando você se sente perdido sem saber o que fazer. Você não tem mais seu afazer anterior e nada começou a acontecer daquilo que você deseja. Neste momento pode passar a duvidar se tomou a atitude certa.
Bem,  todos estes sentimentos são comuns. Fora o foco que eu disse anteriormente naquilo que você quer, é importante se colocar a caminho. É importante também pensar positivamente a respeito de sua decisão. Lembre a si mesmo que tomou esta decisão com a intenção de sentir-se melhor e que em breve conseguirá aquilo que deseja.
A coragem para a mudança você já teve, agora é só esperar corajosamente para que a mudança se complete. Fique longe da opinião dos outros e mantenha-se no caminho de seu desejo com confiança.

A criação de um novo e poderoso hábito.

Hábitos podem nos ajudar a construir algo que queremos através da disciplina, organização. Crie hábitos em sua vida que o faça caminhar cada vez mais para o sucesso.

Como criar um novo hábito?

Criar um novo hábito exige uma certa habilidade de reconstruir algo. Então é necessário criar uma caminho em sua mente para isso.
Nossa mente precisa aprender o caminho novo e ela aprende bastante por repetição. Chega uma hora em que algo aprendido é feito automaticamente. É como dirigir uma carro. Depois que aprende bem, não fica mais pensando em está na hora de trocar a marcha e nem fica pensando no caminho quando é uma caminho que faz todos os dias.

A melhor forma de criar um hábito novo é criar um novo "atalho" para ele em sua mente. É mais fácil do que simplesmente tentar apagar um hábito antigo.

Para sair do automático é necessário que coloque sua atenção em coisas novas. Por exemplo ajuda exercitar novos mecanismos mentais quando por exemplo todos os dias lembra-se de fazer algo diferente do que o habitual, como sentar-se em uma mesa diferente do restaurante, fazer uma caminho diferente, tentar usar uma roupa diferente.

Quando trata-se de quebrar hábito ruins é necessário primeiro achar algo prazeroso que supra o desejo emocional (carência) do novo hábito. Só tome cuidado para não fazer uma substituição ruim, não troque 6 por meia dúzia!

Existe um tempo necessário mínimo para a instalação de uma novo hábito que é de 21 dias. Este é o tempo considerado ideal para criar um novo hábito de forma bem profunda. Mas é necessário que não pare de fazer o novo hábito por 21 dias consecutivos.

Por exemplo se está disposto a colocar exercício físico em sua vida faça a "caminhada" por 21 dias seguidos sem aceitar nenhum tipo de desculpas. Depois desse tempo o hábito estará bem instalado e passará a sentir "falta" dele. Antes desse período dificilmente sentirá sua falta.

Pense sobre as razões porque quer mudar e todas as vezes que pensar em desistir lembre-se delas!

Boa sorte!


Como a mente funciona?


Em primeiro lugar é importante você entender que sua mente funciona como um programa de computador.
Imagine que existe um programa onde você poderá criar um arquivo onde mais tarde ele poderá se tornar realidade no mundo real. A mente funciona assim. Tudo o que você gravar nela, ela cria automaticamente na vida real. A grande questão são os "programas" que você utiliza para "gravar" seus arquivos.

Existem muitas formas de conseguir o que se deseja através da sua mente, assim como atalhos para chegar lá mais rápido.. Antes de começar a esclarecer como se utiliza esse precioso programa, quero dizer que precisa existir uma grande responsabilidade do que se programa nesse computador, principalmente se envolver outras pessoas. Cuidado com o que você deseja !
Então saiba o que quer primeiro, depois descubra a melhor forma de programar seu computador e utilizar todos os recursos da sua mente. A maioria das pessoas utiliza somente 10% de sua capacidade mental, não seja mais um a desperdiçar essa ferramenta maravilhosa que é sua mente.

Outra coisa necessária a fazer para programar sua mente é aprender a focar sua atenção com pensamento e sentimento naquilo que quer, que precisa estar muito bem definido antes deste passo.

E por final, é preciso sempre manter um estado neutro (sem se imaginar emocionalmente na situação) que não deseja, para não "atualizar" seu programa!

Lembre-se que o programa atual é sempre o que está em uso, e isso significa que é aquele que utiliza mais. No caso da mente é o que envolve pensamentos e sentimentos. Então se quer que as coisas aconteçam para você, vigie constantemente seus pensamentos e sentimentos.

Boa sorte!

Você está ajudando ou atrapalhando com sua opinião?



Consequências desastrosas da falta de apoio

Muitas pessoas na ânsia de ajudar o outro acabam espantosamente atrapalhando. Por que isso acontece? Como em vez de atrapalhar, ajudar ao outro?

Quando gostamos muito de alguém queremos a todo o custo evitar que a pessoa sofra, queremos ajudar, queremos fazer as coisas por ela e impedir que se machuque. Este é um sentimento natural de proteção e é valido, mas o que acontece é que muitas vezes quando a outra pessoa conta algo para você, na verdade vem à procura de apoio e não de opinião. E você querendo ajudar, muitas vezes pega pesado no sermão de tudo o que a pessoa deveria ou não fazer e essa “dureza” toda é interpretada por aquele que foi em busca de apoio como um sentimento de rejeição.

Principalmente entre casais deve ser dada a devida atenção a isso.  Pois aquele que vem buscar apoio quer naquele momento somente ouvir que você o apoia, que está do lado dele. Esta hora não é a hora de você apontar nenhuma possibilidade pois se o fizer o que conseguirá será afastar a pessoa de você.

Por que isso acontece desta forma?  Porque uma opinião neste momento é entendida emocionalmente e não intelectualmente. Quando alguém vem te contar algo importante, algo que provavelmente está contando somente a você, deve dar sua opinião somente se a pessoa solicitar, do contrário deve ouvir e apoiar.
Pense em você quando teve que tomar decisões delicadas e quis compartilhar isso e em vez de apoio recebeu opinião. Provavelmente sentiu-se mal né?  Isso acontece porque a pessoa que está compartilhando algo tem motivos e valores internos a respeito do que está compartilhando e quando num momento desses o outro diz algo, e quando essa opinião vem de alguém importante na vida dessa pessoa, é entendido como rejeição.

E o que fazer nesta hora se você realmente está enxergando que a outra pessoa está equivocada? Você deve ouvir passivamente e com atenção.  Depois deve fazer perguntas para que a pessoa perceba exatamente o porquê de tudo. Mas deixe a pessoa responder, não responda por ela. Os motivos que fazem alguém tomar uma decisão são tão pessoais que dificilmente alguém que não está na pele da pessoa conseguirá entender verdadeiramente. Então cuidado com a sua opinião!