Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Radiestesia e Radiônica

Trabalho com Radiônica - Que tal destravar?

Imagem
Tenho feito um trabalho de radiônica em conjunto com uma amiga minha que tem dado bastante resultado, justamente porque ambas estão trabalhando em conjunto, ela faz uma parte e eu outra.
Que tal experimentar?
Funciona assim:
Por 15 dias iremos trabalhar sua energia através da sua foto com o objetivo de destravar sua vida, ou seja, tirar os impedimentos. Ao fazer este processo você se sentirá mais seguro e as coisas vão começar a acontecer, simples assim!
Durante os 15 dias ela ira conversar com você (e eu se precisar) e te orientar via whattsApp.
Fizemos uma promoção para você experimentar, estamos dando 50% de desconto, então aproveite!
Valor com 50% de desconto: R$ 120,00 (para 15 dias)
Para começar é só fazer o depósito e depois me enviar o comprovante.
Banco do Brasil Agência: 4334-6 Conta Corrente: 9846-9 Rosa Cristina Longhi
Grata!






Como o pêndulo movimenta energia?

Imagem
Existem várias formas para se trabalhar com  radiônica. Eu considero a melhor forma quando pegamos carona em ondas de energia direta. Isso significa mover a energia necessária através da intenção ou seja, com um objetivo claro.
Pegar carona nestas ondas de energia pode ser feito de diversas formas. Uma das mais interessantes e eficazes é fazer isso através de algumas músicas.

Quando a música toca a  alma você pode então  movimentar  energia diretamente em cima de uma objetivo, bastando para isso na hora usar um pêndulo na hora exata.

Em outras palavras, como na música abaixo que emociona e faz você se sentir muito bem, faz você ficar arrepiado, mesmo que não entenda a letra. É neste momento a hora exata para intencionalmente se trabalhar com a onda de energia correta.

Dei este exemplo outro dia quando falei sobre isso no meu programa de rádio uns dias antes da Copa do Mundo. Quando a torcida no auge gritava gol, não importando que time estivesse fazendo o gol. Todo o movimento gerado…

O que faz o pêndulo girar?

por Cristina Longhi jornadasdaalma@gmail.com

O que é realmente que faz a radiônica acontecer?
Você sabia que não basta somente colocar o pêndulo em movimento?
Pois é...

Através da Radiestesia conseguimos acessar informações e trazer recursos do passado que podem ajudá-lo em seu problema atual. Por exemplo, você pode descobrir quantos por cento sente-se inseguro em relação à solução de seu problema atual e com isso buscar um momento no passado onde sentiu-se seguro (mesmo que seja relacionado a outro assunto) e assim trazer (implantar) este recurso em sua energia atual.

Com o pêndulo você pode neutralizar o efeito que alguma emoção tenha sobre você e assim deixar o caminho livre para que possa fazer aquilo que é preciso sem aqueles sentimentos que só atrapalham, como medo, insegurança, dúvidas... Assim pode entregar-se livremente ao seu presente, concentrando-se naquilo que realmente é importante.

O papel do pêndulo, mais precisamente do movimento pendular, é mover energias estagnadas ou b…

Síndrome do Pânico - O que pode ser feito?

O que é a Síndrome do Pânico?

Basicamente é uma condição onde a pessoa perde totalmente o controle do que está sentindo, sente que vai morrer, começa a suar frio, seu coração dispara e o desespero a toma totalmente.


"Os sintomas físicos de uma crise de pânico aparecem subitamente, sem nenhuma causa aparente ou por meio de ansiedade extrema motivada por estresse, perdas, aborrecimentos ou expectativas. Os sintomas são como uma preparação do corpo para alguma "coisa terrível". A reação natural é acionar os mecanismos de fuga. Diante do perigo, o organismo trata de aumentar a irrigação de sangue no cérebro e nos membros usados para fugir — em detrimento de outras partes da cabeça." 
Geralmente  a Síndrome do Pânico está relacionada com fatos passados na gravidez da mãe. Mais tarde algo "aciona" a lembrança e então a pessoa passa a sentir-se desta forma. Pode também ser causado por uma lembrança "acionada" de uma vida passada.
Existem várias formas de …

Obsessão espiritual, como acontece?

São muitos os motivos que contribuem para a obsessão espiritual; e muitos os motivos que mantém uma obsessão espiritual. Espíritos obsessores são seres que já morreram e são levados a obsediar alguém, geralmente em troca de favores ou em função de uma vingança. Muitos obsessores  acabam sendo comandados por grupos de espíritos na mesma situação que agem como chefes. Trata-se de uma grande ilusão por parte do espírito obsessor, ele não tem o conhecimento exato das leis universais, não entende que fazendo isso só está "impedindo" sua própria evolução e criando mais problemas a si mesmo. Muito parecido com quando alguém prejudica outra pessoa “por baixo dos panos” achando que se ninguém está vendo não haverá consequências - doce ilusão. Quando a pessoa é obsediada, geralmente é porque de certa forma a pessoa não percebe que deveria estar no controle da própria vida. É um processo bilateral onde existe uma permissão para que isso aconteça. Não permitir que isso continue acontecendo…

Gráfico radiônico para melhorar dores

Imagem
Atua sobre as regiões a serem tratadas eliminando dores localizadas.
Coloque a foto da pessoa no meio do gráfico e ative ele pelo menos duas vezes por dia com o pêndulo, estalo dos dedos sob ele  ou bata palma por cima para ativar.

Como o trabalho radiônico funciona?

No trabalho radiônico que realizo diariamente acontece duas coisas: Quando o pêndulo move energia provoca a transformação das energias que refletem nos acontecimentos da vida daqueles que estou tratando. Ao mesmo tempo que eu vejo (pois sou clarividente etc) como anda a energia da pessoa, como estão as coisas, e assim eu percebo aquilo que eu tenho que dizer para a pessoa mudar (sim, a pessoa precisa participar no processo de transformação).

Em casos mais complicados, energias estagnadas por muito tempo por exemplo, essas mudanças levam um tempo pois dia a dia é preciso ir mudando um pouco, é um processo lendo mas muito valioso, pois as mudanças realmente acontecem, primeiro na mente da  pessoa, depois nas coisas externas.

Costumo escrever para as pessoas (clientes) quando vejo algo de diferente ou quando preciso dizer para a pessoa fazer algo durante o tratamento, caso contrário não escrevo, mas continuo fazendo o meu trabalho.