O que é a Hipnose?


A Associação Americana de Psicologia define hipnose da seguinte maneira: A hipnose é um procedimento durante o qual um profissional de saúde ou pesquisador sugere a um cliente, paciente, ou sujeito que vivencie mudanças em sensações, percepções, pensamentos ou comportamentos. O contexto hipnótico geralmente é estabelecido pelo procedimento de indução. Embora haja muitas induções hipnóticas diferentes, a maioria inclui sugestões de relaxamento, calma e bem estar. Instruções para imaginar ou pensar sobre experiências agradáveis também são comumente incluídas nas induções hipnóticas.


Alucinação Olfativa Positiva



Acontece por exemplo quando o terapeuta pode falar sobre o cheiro da pomada anestésica que esta sendo passada no braço do paciente, e este sentir o cheiro (alucinação olfativa positiva), a questão é que não há nenhuma pomada sendo passada, é apenas a mão do terapeuta deslizando no braço do paciente.




Mitos e Verdades Sobre a Hipnose

Mito da Inconsciência 
Muitos pensam que estar hipnotizado significa estar inconsciente. Há aqueles que até desejam ficar inconscientes para que "todos os seus problemas lhes sejam tirados". Na verdade, o transe hipnótico é caracterizado por uma dissociação consciente/inconsciente onde a consciência está presente, e é desejável que esteja para participar no processo de cura. Por estar vivenciando uma experiência agradável eventualmente, a pessoa não se lembra do que foi falado, porque ficou distraída com pensamentos, imagens ou sons.

Mito de Confessar Segredos Sem Querer 
Mesmo em transe profundo a mente conserva um sentido de vigilância que protege a integridade da pessoa. Na hipnose Ericksoniana raramente a pessoa é convidada a falar. O inconsciente é capaz de resolver silenciosamente os conflitos mais profundos.

Mito de Não Voltar do Transe 
Se, eventualmente, por estar numa experiência muito agradável ou num transe mais profundo, a pessoa não aceitar a sugestão de voltar do transe, basta deixá-la mais algum tempo, e naturalmente, o transe hipnótico se transforma em sono fisiológico e ela acorda.

Mito de Ser Dominada Pelo Hipnoterapeuta 
Na hipnose Ericksoniana o estado de transe é sempre uma auto-hipnose. O hipnoterapeuta é um facilitador, um companheiro de viagem, apenas alguém que está ao lado enquanto o inconsciente da pessoa trabalha.

Mito da Dependência  
Um hipnoterapeuta cuidadoso tem sempre o cuidado de dar sugestões pós-hipnóticas de autonomia e liberdade. No dia a dia sua mente inconsciente pode continuar por si mesma com um processo natural e saudável de mudanças. Por isto a Hipnoterapia Ericksoniana é considerada uma terapia breve.

Mito de Que a Hipnose Possa Ser Prejudicial à Pessoa  
O inconsciente é sábio e protetor, e absorve apenas aquilo que é saudável e útil. Naturalmente, como a hipnose é uma poderosa estratégia de comunicação com o inconsciente, só deve ser usado por pessoas devidamente treinadas, competentes e éticas. Uma pá é um excelente instrumento para remover terra, mas se for usado para atingir a cabeça de alguém pode matar.

Mito da Regressão 
Hipnose não é regressão. A regressão é apenas um fenômeno hipnótico que pode ser usado quando necessário. Como dissemos antes, a hipnose é um fenômeno psíquico, um estado especial da mente que permite ações terapêuticas as mais diversas.


Fenômenos Hipnóticos




Rapport  -É o primeiro fenômeno que acontece. É o laço de confiança, pois o cliente se solta, na medida que confia no hipnoterapeuta.

Distorção do tempo  - A percepção do tempo se altera para mais ou para menos. Trinta minutos parecem cinco, dez minutos parecem ter durado uma hora.

Dissociação  - Os estados psicológicos consciente e inconsciente ficam separados. No estado de transe hipnótico o consciente está presente, mas a pessoa percebe que algo mais está acontecendo.

Amnésia  - É a perda da habilidade de lembrar . É diferente do esquecimento porque o conteúdo "esquecido" parece ter sido selecionado pela mente. Ocorre espontaneamente em transes profundos ou pode ser sugerido pelo hipnoterapeuta.

Hipermnésia - Aumento da capacidade de lembrar fatos do passado próximo ou remoto.

Regressão de idade -  Consiste em reviver estados psicológicos do passado espontaneamente ou por solicitação do hipnoterapeuta.

Progressão de idade - Consiste em ver-se no futuro, projetar-se para o futuro imaginado ou desejado, e até mesmo formar um "eu futuro" que pode aconselhar ao "eu presente" sobre o que fazer para atingir objetivos saudáveis.

Analgesia – anestesia - Analgesia consiste no entorpecimento da consciência da dor. Anestesia perda completa da consciência da dor. Fenômenos hipnóticos muito úteis em pessoas nas quais o uso de analgésicos e anestésicos é contra indicado.


Movimentos ideomotores - São movimentos automáticos de algumas partes do corpo que acontecem automaticamente ( tremores, repuxões, levitações).

Como funciona a terapia infantil?

Através de brincadeiras, jogos e visualizações a  criança vai revelando seus sentimentos e dificuldades. Brincar, criar, visualizar, imaginar é a forma de expressão natural da criança e através desse processo ela vai libertar-se de  sentimentos e problemas que a estejam afligindo, aliviando a angústia e melhorando seu funcionamento psicológico.

A criança também aprenderá a usar ferramentas através da imaginação para usar em casa, na escola ou onde precisar.